Reconhecimento de marca: quando usar brand awareness

reconhecimento de marca

Um guia sobre reconhecimento de marca ou brand awareness

Sabe quando você vê uma única palavra e vem na lembrança alguma situação ruim de uma empresa? Ou, ao contrário, você vê uma combinação de cores e vem à cabeça a imagem positiva de uma marca?

Pois bem. Nesse último caso, é o resultado de uma estratégia de marketing bem sucedida. E essa estratégia tem um nome: reconhecimento de marca ou brand awareness.

Só por esses exemplos já dá para perceber a importância desse tema para a marca, não é? 

E é sobre isso que vamos falar nesse post. Com essas informações, você vai saber como agir e todos os cuidados de que preciso para o caminho ser mais simples. Vamos lá. 

O que é reconhecimento de marca ou brand awareness?

O reconhecimento de marca ou brand awareness é uma estratégia de marketing. A finalidade principal dessa estratégia é criar uma imagem positiva da empresa no inconsciente coletivo das pessoas. 

Ou seja: o objetivo do reconhecimento de marca é fazer com que as pessoas lembrem da marca de uma forma positiva

No mesmo contexto, o brand awareness também serve como uma métrica para medir o quanto e como uma marca é reconhecida por pessoas consumidoras. Ou, em termos mais simples, o que estão falando dessa marca por aí.

Afinal de contas, não basta que a empresa seja conhecida pelo seu público-alvo. É necessário mais do que isso. Ela precisa ganhar a confiança das pessoas. 

Benefícios da campanha de reconhecimento de marca

Bom, a campanha de reconhecimento de marca tem o intuito de que o maior número de pessoas identifiquem a marca e, ao mesmo tempo, admirem e confiem no que ela representa. 

A partir disso, fica fácil imaginar o impacto positivo que isso traz para a empresa, não é? 

Então, quanto maior o brand awareness, maior também é a chance de desenvolvimento da empresa. 

1. Aumento das vendas

O aumento das vendas é o benefício mais óbvio da campanha de reconhecimento de marca. Afinal de contas, os resultados de vendas costumam ser melhores se a marca é a mais lembrada pelo público-alvo.

Da mesma forma, quanto mais confiável a empresa parece, maior é o número de vendas. 

Ser uma referência inicial faz com que a marca seja uma prioridade para o público-alvo. Então, primeiro eles buscam saber sobre a confiabilidade e a qualidade dessa empresa e só depois buscam outras opções. 

2. Aumento do alcance da marca

Esse é um dos objetivos da campanha de reconhecimento de marca: fazer com que mais pessoas conheçam a marca.

Então, é natural que uma estratégia bem feita de brand awareness resulte no aumento do alcance da marca.

3. Fidelidade de clientes

Além do mais, as campanhas de reconhecimento de marca constroem a fidelidade de clientes. 

A tendência é que, a partir dessa estratégia, muitas novas pessoas conheçam e passem a confiar na marca. Contudo, é preciso que essas pessoas criem uma relação duradoura com a marca.

Portanto, quando seus clientes também são alcançados pela marca, desde que positivamente, eles se lembram mais dela.

O resultado disso é a fidelização da clientela: as pessoas vão consumir mais o seu produto ou serviço e, ainda, vão passar a defendê-lo. 

4. Recomendação

É fato que as pessoas estão cada vez mais criteriosas na hora de comprar coisas e serviços. 

É o que mostra uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito, que chegou à conclusão que 90% das pessoas consumidoras pesquisam na internet antes de comprar. 

No mesmo sentido, a indicação é a forma mais eficaz de marketing. É o famoso “boca a boca”. Por isso, recomendações têm um grande peso na hora da pessoa escolher o serviço/produto que vai comprar. 

Nessa perspectiva, empresas que têm alto brand awareness também têm altas chances de serem recomendadas. Afinal de contas, as pessoas que confiam na marca vão divulgá-la e atestar sua qualidade.  

Ou seja: o reconhecimento de marca encurta a jornada de compras de pessoas consumidoras. O resultado são taxas de conversão de vendas muito mais altas. 

5. Impulsionamento de outros canais de marketing

Depois de identificar quais as percepções que o mercado tem sobre a sua marca, fica muito mais simples elaborar outros tipos de estratégias de marketing. Especialmente para adequar as ações às metas.

Mais do que isso. Pode-se facilmente reaproveitar a boa imagem de uma marca em muitos outros tipos de estratégia de marketing. 

Como montar uma estratégia de reconhecimento de marca

Quando o assunto é brand awareness ou reconhecimento de marca, não basta que as pessoas gostem do seu produto. Você precisa criar uma relação próxima entre sua marca e seu público consumidor.

Aqui estão algumas formas de fazer isso: 

1. Faça uma segmentação de mercado efetiva

Assim como qualquer estratégia de marketing, o reconhecimento de marca deve levar em conta a sua persona. Ou seja: você precisa levar em consideração o seu mercado consumidor. 

Já que se todas as suas ações atingirem um público consumidor diferente do que você tem como objetivo, você não terá resultados positivos. 

Do mesmo modo, você não pode ter como objetivo atingir todas as pessoas. Ninguém consegue ser generalista e atingir profundamente todas as pessoas do mundo.

2. Preste atenção no branding

Depois disso, tenha em mente que o branding é o ponto de partida para o reconhecimento da sua marca. Direcione seu branding e a gestão de sua marca para a sua persona. 

Mais do que serviços ou produtos, você deve vender a sua ideia. Por que você está vendendo isso? Quais são seus valores? Qual é seu propósito? 

É a partir desses pontos que as pessoas vão se identificar – ou não – com sua marca. 

3. Esteja presente nos diferentes meios de comunicação

Nesse ponto, a máxima “quem não é visto não é lembrado” tem certo valor. Não significa que você deve investir em absolutamente todos os tipos de mídia. Mas que deve diversificar sua forma de aparição. 

A melhor forma de fazer isso, sem dúvida, é conhecendo quais são os meios que seu mercado consumidor tem acesso. Assim, você conseguirá atingir seu objetivo de forma mais efetiva. 

Não adianta, por exemplo, investir em mídias de TV aberta, se seu público é mais jovem e passa o dia inteiro na internet. Entende?

4. Crie programas de indicação

Você já entendeu que as recomendações são importantes para criar confiança do seu mercado consumidor, certo?

Existe uma forma de incentivar isso: através de programas de indicação. Depois de cuidar bem de seus clientes, ofereça algo em troca por suas recomendações. 

É uma situação em que todo mundo sai ganhando.

Cuidados com a marca que você precisa observar

Para o bom andamento de qualquer estratégia de campanha de reconhecimento de marca, você não pode perder de vista alguns cuidados especiais com a sua marca.

Aqui estão nossas dicas: 

1. Credibilidade

Você vai perceber que sua marca só vai atingir um nível de reconhecimento positivo, se transmitir confiança às pessoas. Você já sabe que não adianta as pessoas conhecerem sua marca. Elas precisam confiar nela. 

Isso significa que você precisa criar elementos que transmitam a credibilidade da sua marca para seu público consumidor.

Pense nisso como uma prioridade, a partir da qual a estratégia inteira de marketing poderá se desenrolar. 

Um ponto fundamental nesse quesito é cuidar da experiência e da satisfação dos clientes. Já que, como você já sabe, o marketing de indicação é fundamental para construir a confiança de novos clientes. 

2. Diferenciais da marca

Por qual característica você quer que as pessoas lembrem da sua marca?

Independente do que for, você vai perceber que precisa criar um diferencial para sua marca.

Isso pode vir de algum elemento da campanha publicitária – como a frase “quer pagar quanto? das Casas Bahia -, pode vir da qualidade ou da exclusividade dos seus produtos em relação ao mercado. 

Não importa o que seja. Você precisa que a sua marca se relacione com algum elemento único, que a faça se diferenciar das demais marcas do mercado. 

E que, a partir disso, seja possível construir uma relação de afetividade entre seu mercado consumidor e a sua marca. 

3. Confusão de marcas

Por último, mas não menos importante, você não pode esquecer que o cuidado com a marca também envolve os aspectos jurídicos.

Afinal de contas, imagina investir tanto em fortalecer uma marca e depois perder o direito de usá-la? 

É por isso que você precisa tomar cuidado com as situações que envolvem o plágio de marca e o uso indevido de marca registrada

Nesse ponto, procure se informar sobre a pesquisa  e o registro de marca no INPI. Já que nada adianta as estratégias de brand awareness, se a marca ainda não é legalmente registrada em seu nome. 

Você vai perceber que, apesar de não depender de muitas etapas, o pedido de registro de marcas no INPI não é tão simples quanto parece. 

Além de bastante burocrático, esse procedimento exige conhecimentos técnicos e muita atenção aos detalhes. É preciso reunir os documentos necessários para registro de marca no INPI e acompanhar o processo depois do pedido.

É por isso que, talvez, seja difícil fazê-la sem orientação.

Para garantir a sua segurança jurídica e não correr risco de indeferimento do seu pedido, uma assessoria jurídica personalizada pode ser uma alternativa. 

A assessoria irá entender quais são as suas necessidades específicas e fornecerá recomendações úteis ao seu negócio e a sua sociedade.

 

Escrito por Beatriz Coelho, redatora e mestra em Direito.

VEJA TAMBÉM

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência com o nosso site. Ao navegar pelas páginas, você declara estar de acordo com a nossa Política de Privacidade.